terça-feira, 30 de dezembro de 2014

FELIZ 2015

Que o Novo Ano nos traga muita saúde, trabalho, paz e felicidade.

sábado, 27 de dezembro de 2014

NO DIA DOS MEUS ANOS

Esta foto foi tirada no dia dos meus anos (22/12).
Para variar e sair um pouco da rotina fomos até à vizinha Espanha.
Aproveitamos para "tapear" (o verbo existe mesmo em espanhol), as miúdas divertiram-se num parque de atracções que estava lá montado, o tempo estava muito bom e foi um dia muito bem passado.
Não fizemos compras (excepção para o gel de banho da Puig que adoro) porque não vale a pena.
Já lá foi o tempo que ia lá para comprar brinquedos, chocolates edredons e ténis (sapatos).
Mas foi muito agradável, principalmente porque tinha os meus amores comigo.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

CARTEIRA "ROS"

É linda e foi-me oferecida pela minha"Mãe Natal"( filha).
Gostei muito e até tinha falado com a minha filha acerca da carteira.
Mas não estava nada à espera. Foi mesmo uma surpresa.
Obrigada minha querida.

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

A NOSSA CONSOADA

Juntos e em família.
Houve presentinhos e as mais novas deliraram,
As mais velhas também.
Resolvido o problema do " bacalhau com todos" para a nossa noite. Ninguém estava interessado no prato tradicional, o que nos apetecia a todos era a "Roupa Velha". Então cozinhamos e preparamos tudo de véspera e no dia 24 não deu trabalho nenhum. Aliás adiantamos muita coisa a 23 para o dia 24 ser um dia calminho e sem correrias. E resultou.
Amanhã já é dia de trabalho e confesso que não me apetece mesmo nada.
Continuação de FESTAS FELIZES.

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

FELIZ NATAL

E como amanhã já é a noite da Consoada, aqui ficam os meus desejos de umas Festas muito Felizes.

domingo, 21 de dezembro de 2014

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

BOLAS!

Os perfumes estão caríssimos.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

PERGUNTINHA

Nos primeiros tempos de casada e durante muitos anos o jantar de Consoada consistia no bacalhau com todos, bacalhau esse que sobrava sempre muito e que no dia seguinte era utilizado na "roupa velha". Confesso que gosto muito mais da roupa velha do que propriamente do bacalhau da Consoada.
Depois cansei-me do prato, ou seja não me cansei do prato, cansei-me foi de ter as pessoas todas sentadas a bebericar enquanto a "sopeira" (eu) estava na cozinha a preparar legumes e pelar batatas a descarar ovos a levar tudo para a mesa  e sentar-me para jantar quase sem ter tempo para arranjar-me.
De verdade que  nessa noite sentia-me a "sopeira" de serviço. Cansada com esta situação resolvi esquecer o célebre "bacalhau com todos" e passei a cozinhar um bacalhau com natas, ou o bacalhau vermelho, pratos que se podem adiantar durante a tarde e depois quando chegar a hora é só colocar no forno. Para quem trata do jantar é muito menos cansativo. Durante a tarde podemos tratar de tudo, depois sobra tempo para um banho e para nos vestirmos convenientemente.  
Mas este ano apetecia-me voltar ao bacalhau típico da Consoada porque depois apetece-me no dia seguinte a roupa velha. Mas não me apetece voltar ao stress de cozinhar tudo na hora e depois sentar-me a jantar. Como disse gosto de ter tempo para um banho e pôr-me apresentável. 
Amigas que me estão a ler, vocês também têm este problema, ou têm algum truque que eu desconheço? Contem-me como fazem, please.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

EU SOU AQUELA

Que mesmo sem precisar tem de sair de casa todas as manhãs nem que seja para beber um café, sendo que o café nunca será o motivo principal. Para isso tenho a Nespresso que cumpre muito bem as suas funções. O que eu preciso mesmo é de me arranjar (vestir), sair e andar.

domingo, 14 de dezembro de 2014

ESTE NATAL

Este Natal o Menino Jesus teve direito a um vestidinho todo giro, típico da Madeira.
É o meu Menino Jesus "Madeirense".

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

CÁ POR CASA

Está aberta oficialmente a época das malhas polares  (lençóis, pijamas, roupões).
E para quem não gosta, só posso dizer que são muito quentes e confortáveis.
Concordo que não sejam a coisa mais bonita de se ver/usar, mas o conforto que proporcionam ultrapassa a beleza. E eu para não ter frio uso tudo.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

PROCISSÃO DE NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO


Neste dia e segundo a tradição há duas procissões. Uma segue por mar, outra por terra.
O encontro dá-se no porto de abrigo com a benção aos barcos. 

A foto foi tiradas com o telemóvel. "Ao vivo e a cores" é bem mais bonito.

domingo, 7 de dezembro de 2014

BOLO DE LARANJA COM CHOCOLATE

Ontem à tarde fiz este bolinho.
É uma receita da minha amiga Nina do Blogue "O meu pensamento viaja" e foi postado em 18 de Novembro de 2013. Segui a receita toda menos no final que não reguei o bolo com a calda nem coloquei  as tirinhas de laranja. É um bolo muito bom e fácil de fazer. E acompanha tanto no final do almoço com o café, como a meia da tarde com uma chávena de chá bem quente. 

sábado, 6 de dezembro de 2014

BOLOS DE MEL

E como os tios nunca se esquecem, ontem chegou directamente do Funchal a encomenda dos bolos de mel. Mais uma vez obrigada.
E com a chegada dos bolos de mel chegou também um bocadinho do espírito natalício.

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

POR CÁ

Vou ficar uns diazitos em casa.
Três de férias mais o fim de semana prolongado. Nada mau.
Hoje tinha pensado fazer a lista de compras para o Natal assim como pensar nas refeições desses dias e acabei por não fazer nada. Não pode passar de amanhã, que não estou para ir fazer compras nos últimos dias quando os super mercados estão todos cheios e mal se consegue andar com o carrinho.
Entretanto já há pequenos sinais de Natal cá por casa. Devagarinho que ainda hoje é dia 3. 
Os dias estão cada vez mais pequenos e depois do anoitecer já não apetece fazer grandes coisas.
Apesar das televisões todas falarem na vaga de frio que aí vem, por estes lados a temperatura ainda está agradável. Claro que depois do sol desaparecer arrefece, mas durante o dia como tem estado sol não nos podemos queixar.
E é isto. Nada de novo. 


segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

PARABÉNS MEU AMOR

O tempo corre. Ainda "ontem" eras uma bebé e hoje fazes  4 aninhos.
Parabéns minha princesa. Que sejas sempre feliz.

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

FARTA

Farta, fartinha de telejornais.
E de tanta corrupção, à mistura com jogos políticos.
Para o cidadão comum o horror, para a comunicação social uma delícia.
Detesto ver o ódio que certas pessoas "cospem" cá para fora.
Nada bonito de se ver.

E como é de novo sexta feira, aproveitem o fim de semana.

domingo, 23 de novembro de 2014

O MAR APRISIONADO NOS TEUS OLHOS

....Porto Santo - uma ilha em que o mar de águas azuis-turquesa vem beijar a áurea praia com a maior ternura, ao mesmo tempo que o vento segreda histórias de longe.

É nesta pacata e pitoresca ilha portuguesa que, em 1936 desembarca o realizador Jorge Brum do Canto com o propósito de gravar a película "A Canção da Terra". Com ele, vinda de Lisboa, chega também a equipa de filmagem da qual faz parte o assistente de realização, Damião. Inevitavelmente, a chegada dos artistas causa burburinho entre as gentes da ilha, desacostumada a estas novidades.Entusiasmada também ficará Pelágia, uma jovem natural da ilha de origens humildes que se deixará encantar pouco a pouco por Damião. Mas será que os dois serão capazes de lidar com o facto de provirem de diferentes realidades?

Mais que um romance, O Mar Aprisionado Nos Teus Olhos é o retrato fiel de costumes e tradições do passado e simultaneamente uma declaração de amor a Porto Santo, uma das ilhas mais bonitas do território português.


Gostei muito. Foi o relembrar do que me era contado pelos meus avós/pais. 
Para os portosantenses mais velhos é o relembrar. Para os mais novos será uma maneira de ficarem a saber mais acerca das suas origens. 
Para "os de fora" é uma maneira de conhecer melhor o Porto Santo e os anos difíceis do princípio do século passado. Recomendo!

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

PREGUIÇOSA EU?

Ás vezes fico a pensar que sou preguiçosa. Outras penso que não.
Na vida profissional não o sou, não tenho a menor duvida. Detesto ter trabalho atrasado e se tal acontecer prefiro trabalhar na minha hora de almoço para avançar com o trabalho. Por outro lado se for preciso trabalhar em feriados ou folgas também o faço, portanto por este lado nada a apontar.
Na minha casa também gosto de ter as coisas organizadas e orientadas.
Mas depois naquelas horas vagas, aí tenho dúvidas. Eu não sou aquela pessoa que aproveita todos os momentos livres para fazer isto e aquilo. Sou mais do género de me sentar a ler um livro a ver revistas ou mesmo  ficar em frente ao pc. Se resolvo fazer um trabalho manual é certo e sabido que levo imenso tempo em o finalizar.Até mesmo para fazer um bolo que já não entra na lista "do necessário" confesso que ás vezes não me apetece só para não sujar o que está limpo. E vendo a coisa por este prisma, sim sou preguiçosa.

domingo, 16 de novembro de 2014

NOVO LIVRO

Entre vários livros que sei que iria gostar a escolha foi para este.

DA NECESSIDADE "DO NOVO"

Abriu uma nova superfície comercial muito perto da minha casa.
Tinha jurado a mim própria que só lá ia depois de passada a fase de "toda a gente" querer ir ver. Mas hoje não resisti e também lá fui espreitar. Depois de analisar o porquê de ir-me enfiar "num mar de gente" cheguei à conclusão que é a falta "de ver coisas novas " que me levou até lá. Apetecia-me ver uma coisa nova, ver livros, beber café num sítio diferente, enfim mudar um  pouco a rotina. Felizmente não estava a loucura que eu esperava. Fiz as minhas compras e bebi o meu café calmamente. O espaço é agradável e como fica mesmo muito perto da minha casa será um local a frequentar (pelo menos até deixar de ser novidade) mas como tem livros parece-me que vai fazer parte dos meus locais preferidos. 
Atenção, não vivo numa grande cidade e até para comprar livros tenho dificuldade. Ultimamente tenho-os comprado através da Wook.
Quando ia muito a Lisboa não sentia esta necessidade "da novidade". Agora sinto e muito.

sábado, 15 de novembro de 2014

BOTAS NOVAS

Hoje de manhã fui ás compras com o marido. Ou melhor fomos comprar uns sapatos de inverno para ele. Normalmente quando é roupa compro sem ele estar, mas com sapatos é diferente. É preciso que ele goste, que sejam confortáveis e que não magoem.  Normalmente os sapatos que ele compra não são nada baratos. Hoje porém foi diferente. Gostou de uns que além de serem confortáveis tinham também um preço muito simpático. Além do preço ser bastante simpático, tinham um desconto de 50%. Parece que é uma nova forma de promoção. Por exemplo estes sapatos estavam com 50% de desconto, mas para a semana voltam ao preço normal sendo o desconto atribuído a outros sapatos.  Marketing. E que fiz eu com a diferença do valor dos sapatos? Guardei? Foi a correr depositar no banco? Nada disso! Comprei umas botas. Giras, quentes e confortáveis. Mas bem mais caras do que os sapatos do marido. De tarde voltei a sair e usei logo as botas novas. São mesmo muito confortáveis. Não serão muito apropriadas para o trabalho, embora pense usar nos dias mais frios, mas são óptimas para os fins de semana. E pronto, sem esperar ganhei umas botas novas, mas devo confessar que estas belezas já me andavam a sorrir desde a montra e a dizerem-me que gostavam muito de vir viver para minha casa.

quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Em tempos escrevi que ia deixar de comprar malas e malinhas bonitinhas e baratinhas. A verdade é que tenho cumprido. Na Primavera/Verão não comprei nada e governei-me com a "prata da casa".
Agora no Outono comprei apenas um saco (que até nem precisava muito, mas que gosto de usar nos dias em que não trabalho). E parece-me que não vou comprar mais nada pois o que tenho dá para fazer o Inverno. A não ser que encontre uma mala que faça os meus olhos sorrirem. Mas tem de ser de boa qualidade e com um modelo intemporal. E sobretudo que goste mesmo. Enquanto isso não acontecer, não compro nada. Como não preciso, não vou procurar. Mas sei que num dia qualquer encontro. E aí sim, compro sem remorsos.

terça-feira, 11 de novembro de 2014

ATCHIM, ATCHIM...................

Hoje é isto. Todo o dia e a continuar pela noite. Atchim ........

domingo, 9 de novembro de 2014

CONSTATAÇÃO

Não me custa ir trabalhar todos os dias (até gosto).
Mas custa-me muito levantar-me cedo para chegar a horas ao trabalho.

sábado, 8 de novembro de 2014

SÓ PARA DESEJAR

Um bom Domingo.
Hoje sábado descansamos, fizemos umas comprinhas, tratamos do "visual" e pouco mais.
Os dias estão cada vez mais pequenos e o anoitecer chega cedo. E nestes dias de Outono /Inverno gosto de chegar a casa cedo, tomar um banho quentinho e ficar de pijama. Foi o que fiz hoje.


quinta-feira, 6 de novembro de 2014

MUDANÇAS

Durante bastante tempo, todas as sextas feiras assim que entrava em casa a primeira coisa a fazer era voltar a colocar molduras, livros e muitas outras coisas à minha maneira. Ficava assim até à próxima sexta-feira seguinte dia em tinha de voltar a arrumar as coisas como eu gosto. Isto porque a senhora que fazia a limpeza semanal cá em casa achava por bem decorar a minha casa à maneira dela. Mas como limpava bem   e sobretudo era uma pessoa de confiança nunca lhe disse nada.
Acontece que a senhora por motivos familiares foi viver para o Alentejo e eu fiquei sem ajuda durante um tempo. Queria sobretudo uma pessoa que além de limpar fosse de confiança. Consegui arranjar uma senhora que já trabalhou na empresa onde eu trabalho. Hoje foi o seu primeiro dia cá em casa. Ficou tudo limpinho como eu gosto, mas também já houve mudanças na decoração. É o preço que tenho de pagar para no fim de semana não ter de me preocupar com limpezas aborrecidas. É um alivio. Claro que há sempre coisas para fazer, mas é bem mais fácil. 

domingo, 2 de novembro de 2014

A SÉRIO

Eu não queria escrever sobre isto, prefiro escrever sobre o tempo e sobre "trapinhos" mas se não desabafar sinto que dou em maluca.
O marido não está pior, mas tem um problema de intestinos (prisão de ventre) segundo os médicos nada grave nem de cuidados. Mas para ele é o "fim do mundo". Em três semanas levei-o duas vezes às urgências, uma ao médico de família, outra ao médico especialista. O parecer dos médicos é sempre o mesmo. O intestino não está cheio, beber muita água, comer fibras e evitar laxantes. Do médico de família ainda levei "um sermão" e com alguma razão, que não o devia ter levado para as urgências, que podia apanhar algum contágio enfim tudo isso eu sei, só que o médico não sabe como o marido consegue ser teimoso e dar cabo da paciência até aos santos. Do médico especialista trouxe um "programa para cumprir" e não se preocupar sobre o fazer ou não fazer todos os dias. Esse digamos " tratamento" começou na quinta feira passada, pois hoje tem estado impossível e eu penso que às vezes estou à beira de um esgotamento. E depois como ele não fala eu é que tenho de explicar tudo aos médicos, por vezes fico com a sensação que os médicos pensam que eu não estou bem da cabeça, salvo o médico da especialidade que já o conhece de há muitos anos e sabe do que a "casa gasta". E por estas alturas o que me salva do esgotamento é o meu trabalho.
Para aqueles que dizem que sempre trataram dos seus doentes, que nunca os deixariam num lar pois que agradeçam por terem essa possibilidade, mas por favor não critiquem os outros. Há quem tenha ajudas de familiares e há que não tenha nenhuma,  Cada um sabe de si. Para uns pode ser fácil, para outros nem por isso. Cada caso é um caso. E nenhum é igual. 



NOVEMBRO

E quase sem dar por isso Novembro chegou.
Diferente do habitual, mas o certo é que já estamos no penúltimo mês do ano.
Pelo Sul continua o bom tempo (embora para amanhã esteja prevista descida de temperatura) e ainda hoje estavam pessoas na praia. 
E eu, que gosto do bom tempo e do calor, ando um bocado desnorteada com este tempo. Já não me apetece praia e nem sei o que vestir. Uma roupa é muito leve, com outra tenho calor. E estamos nisto.


sexta-feira, 31 de outubro de 2014

HALLOWEEN

A verdade é que prefiro o nosso"Pão por Deus"
Mas os docinhos estão à espera das crianças que costumam tocar à campainha da porta nesta noite.

domingo, 26 de outubro de 2014

DA MINHA FALTA DE JEITO

Comprei um verniz com uma cor muito gira (cor nova de inverno). Só tem um inconveniente, é muito difícil a sua aplicação. E eu que já tenho falta de jeito fiquei com as unhas num horror.
Solução, remover o verniz e voltar a colocar um de mais fácil aplicação. A minha preferência em temos de aplicação vai para a Andreia. Mas também gosto da OPI e da Inocos. A propósito a revista "Telva" deste mês trazia uns vernizes da OPI bem  giros.
E as minhas unhas com a aplicação de um verniz da Andreia, ficaram apresentáveis.

HORA DE INVERNO

Não gosto nada.
Detesto sair de noite do trabalho e chegar a casa ainda mais de noite.
E com a mudança de hora, acabaram-se os meus passeios ao final da tarde depois de sair do trabalho.
Vou sentir-lhes a falta.

sábado, 25 de outubro de 2014

RECORDAÇÕES

Hoje resolvi mostrar este saquinho em prata. É muito antigo e foi-me oferecido por uma tia avó.
Para mim tem um grande valor sentimental. Em criança gostava muito de brincar com ele. Volta e meia estava a pedir o saquinho porque queria ir às compras, ou ir visitar uma amiga ou outra coisa qualquer. A verdade é que esta minha tia alinhava sempre nas minhas brincadeiras. Muitos anos passados, sendo eu já adulta a minha tia sabendo desta minha paixão por este saquinho ofereceu-mo.
Possivelmente alguma das minhas amigas terá um semelhante herdado de alguém da família pois parece-me que nos anos 20 do passado século usavam-se muito.

Em baixo: outra vista do meu saquinho.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

CASA ASSOMBRADA?

Não! Mas eu conto.
Estava só em casa. Estava na cozinha a fazer umas coisas e apenas ouvia o som da televisão. De repente uma espécie de música de fundo. Achei estranho mas continuei o que estava a fazer. Como a música continuava, baixei o som da televisão. Continuava a música portanto não era da tv. Como a minha cozinha dá para a frente de uma residência para idosos e como às vezes vão lá tocar, lá fui à minha varanda ver se a música vinha de lá. Silêncio absoluto. Volto para dentro de casa. Vou ao corredor, a música parece vir da sala. Na sala tenho a tv e demais aparelhos todos desligados. Continuo a seguir o som. Parece que vem de uma das estantes. Mas como, se não tenho lá nada que emita qualquer som? E o som cada vez mais nítido. Parece que vem debaixo de uma revista. Levanto a revista. Era o telemóvel do marido. Não sei que raio é que ele lhe fez. O que eu sei é que era para anunciar a chegada de uma mensagem. E não se calava, se eu não estivesse em casa havia de tocar até se acabar a bateria. A mensagem? Qualquer coisa da vodofone a anunciar uma promoção. E se eu fosse mais de medos tinha fugido de casa a dizer que algo de anormal se passava. Mas sinceramente já não estava a achar muita piada. Mas como em tudo o melhor é procurar sempre a resposta para o que não sabemos. Ás vezes é bem simples. 

domingo, 19 de outubro de 2014

DO FIM DE SEMANA

Bom tempo e calor.
Passeio pela beira mar.
Mas o melhor de tudo foi a visita das "princesas".
Pena ser só o fim de semana.

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

A VIDA (VISTA DE FORA)

Hoje falei (por telefone) com uma grande amiga de infância. Somos capazes de estar meses sem falar mas quando voltamos a falar parece que todos os dias nos falamos. No meio de muita conversa vieram queixas da parte dela. Da vida, da revolta que às vezes sente , que a vida dela é uma porcaria pior que todas etc etc. Claro que depois volta ao real e sabe que há vidas mil vezes piores.
Sendo esta minha amiga extremamente católica, soube-me bem ouvir isto. Fez-me sentir menos egoísta, eu que tantas vezes  me revolto. Achava que ela pelo facto de ser católica praticante e de vir de uma família muito mas muito católica aceitava mais facilmente as partidas da vida. Com outra aceitação e sabedoria. Mas afinal todos somos humanos.  

Hoje também soube que uma pessoa da minha família está à beira de acabar o casamento.
Trata-se de um casal que aparentemente tinham tudo para dar certo. Bons empregos, belíssimos ordenados, uma casa gira, férias de verão, férias de Natal, uma ou outra ida ao estrangeiro, alguns fins de semana fora, miúdos num bom colégio. Enfim sempre pensei que aquele casamento fosse para a vida. Parece que não vai ser.

É isto, a vida nunca é aquilo que se vê do lado de fora, ou antes aquilo que pensamos ver.

terça-feira, 14 de outubro de 2014

COISAS QUE NÃO ACHO LÁ MUITA PIADA

Profissionalmente contacto com pessoas que já conheço há muitos anos, assim como com outras que conheço no próprio dia. Com as pessoas que já conheço há anos, criaram-se relações cordiais, em alguns casos até mesmo de  amizade. Com essas pessoas acho normal que nos cumprimentemos com um beijinho. Mas quando acabo de conhecer uma pessoa, quando possivelmente nem sequer vamos estabelecer qualquer laço profissional e essa pessoa na despedida em resposta à minha tentativa de aperto de mão me enfia com dois beijinhos sinceramente não acho piada nenhuma. É isso e as velhotas na missa quando o Padre manda cumprimentarem-se, aquilo é beijos e abraços, mas dessas eu estendo a mão e faço de contas que não percebi a tentativa do beijo. Também não acho lá muita piada quando vou fazer qualquer compra e sou tratado por "meu amor".

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Quando peço uma torrada  com muito pouca manteiga e a mesma chega à mesa a escorrer manteiga por por tudo quanto é sítio, o que seria se eu  não tivesse feito essa recomendação?
Sinceramente fico a pensar que as pessoas  estão a trabalhar, mas no fundo estão-se "nas tintas" para aquilo que fazem. E que chegue depressa a hora de ir para casa.
Por outro lado, com os ordenados que se pagam neste país acredito mesmo que as pessoas andem insatisfeitas. Ninguém gosta de sentir-se explorado.

domingo, 12 de outubro de 2014

OUTONO

Pois é, com a chegada do Outono e a natural descida de temperatura, começa a apetecer comida "mais quente", ou melhor dito, mais elaborada. Hoje para o almoço fiz um cozido. Mas um cozido à minha maneira. Muitos legumes, nada de enchidos e de carnes apenas vaca e frango. Tudo muito bem cozido em fogo lento para ficar tudo muito apurado. Com o caldo ainda fiz um arroz para acompanhar. Garanto que apesar de simples estava muito saboroso. E sinceramente não senti a falta  do chouriço e afins.

sexta-feira, 10 de outubro de 2014

FIM DE SEMANA CHUVOSO

Hoje tirei um dia de férias e fiquei em casa. Porque tinha assuntos a tratar, porque precisava descansar, enfim sentia mesmo necessidade de um dia sem correrias.
Escusado será dizer que andei a manhã inteira à chuva. Mas se haviam assuntos a tratar não seria por causa da chuva que ia deixar de fazer e tratar do que era preciso ser feito e tratado. (A propósito de chuva, preciso urgentemente de um casaco de chuva, mas que não seja seja quente nem faça aquele efeito estufa, que verdade seja dita, detesto. Alguém sabe onde posso encontrar ? )
E com um dia tão chuvoso, lá tive o empurrão necessário para começar a organizar o guarda roupa para os próximos meses. Ainda não comprei nada, ando mesmo a ver o que tenho, o que gosto e o que vou precisar. 
Entretanto as roupas de verão já estão a ser lavadas/tratadas para serem arrumadas nos lugares deixados vagos pelas desta estação.
É fim de semana. Com chuva ou sem ela aproveitem da melhor maneira.

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

ISTO ESTÁ MAU

Calçar sapatos depois de andar uma data de meses de sandálias torna-se  verdadeiramente doloroso.
Todos me magoam, todos me incomodam. Ontem usei umas sabrinas e ao fim do dia tinha os pés mesmos cansados. Hoje voltei às sandálias. Mas acredito que daqui por uns dias já não vai ser possível. Ai estes meus pezinhos de princesa.

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

É FIM DE SEMANA

Mas parece que tenho de ir trabalhar.
Não o horário completo, mas entre ir, estar e voltar, passa uma manhã ou uma tarde.
Lá se foi a ida à praia. Bolas!

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

HOJE

Um fim de tarde maravilhoso.
Uma tarde sem vento e com um calorzinho mesmo agradável. Melhor que muitas tardes  de verão.
Ás 7,00H da tarde ainda estavam pessoas na praia. E de certeza que não estavam a fazer sacrifício.´
É que estava mesmo bom. Eu só dei a minha volta habitual depois de sair do trabalho, mas bem me apetecia ficar sentada junto à praia a aproveitar o bom tempo.



domingo, 28 de setembro de 2014

DETESTO

Quando não sei o que fazer, ou melhor, sei mas não posso. Vai tudo dar ao mesmo.

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

NOVA LEITURA

Solicitei o cartão de leitor na biblioteca local, já o tenho e por agora estou a ler este livro da Júlia Navarro. Já tinha lido dois livros dela "A Bíblia de Barro" e "A Irmandade do Santo Sepulcro". Como
gostei acabei por escolher este. Estou a gostar, só tem um inconveniente, é enorme e pesa um bocado.
Ora eu gosto de levar o livro que estou a ler para o trabalho para ler na hora de almoço, mas este tem
ficado em casa pois de facto não é prático. Por outro lado tenho medo de o perder. Nunca me aconteceu mas como não é meu, não quero arriscar.
Quanto à biblioteca, não é grande nem tem muitos livros, mas sempre dá para ir escolhendo. E não gasto dinheiro na compra de novos livros.

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

sábado, 20 de setembro de 2014

BYE BYE SUMMER

E quando pensava que o Setembro é que ia ser o mês que nos ia oferecer calor e água do mar quente o que ele nos oferece é uma antecipação do Outono. Está bem que o Outono está aí, mas a verdade é que este Setembro deixou muito a desejar no que diz respeito ao tempo. Até os turistas foram embora mais cedo desapontados com este fim de verão. Fico sempre triste com a despedida do verão, do calor, da praia e do bom tempo. Não gosto da solidão dos meses de Inverno, assim como também não gosto do frio e do mau tempo. Mas nada a fazer. Felizmente que as estações do ano vão e vêm. Entretanto aproveitar o que de bom aparecer e dentro do possível ser feliz. 

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

E VOLTAMOS

A ter fins de semana. Tem vantagens e contras. Vantagens: Consigo descansar muito mais.
Contras: Faz-me falta um dia de semana para resolver problemas que vão surgindo e que só podem ser tratados em dias úteis. Mas como não sou eu a escolher aceito o que me dão.
Tenham um bom fim de semana.

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

VIMES ( DA MADEIRA)


Desde miúda que gosto deste tipo cadeiras e afins.
A tal ponto que quando pensava na minha futura casa, havia sempre uma pequena divisão, marquise por exemplo, decorada com este tipo de cadeiras, estantes e muitas plantas e flores. Seria o meu cantinho, o meu refúgio. Infelizmente nunca tive casas suficientemente espaçosas para isso. Mas continuo a gostar.

SABEM AQUELES DIAS QUE NÃO SABEM O QUE FAZER?

Hoje é um deles. Tive folga e não estou a aproveitar nada.
De manhã pensei ir à praia, depois desisti. Acabei por sair para tomar café e ir ao mercado semanal dos agricultores. Encontram-se produtos bons mas todos muito mais caros. Ainda assim acabei por comprar feijão encarnado (mas fresco, adoro), feijão verde,  abóbora, brócolos e grelos. E flores. E deixei uma nota. Agora espero que as flores durem na proporção do preço. Já aqui disse,  gosto muito de ter flores em casa, só que nem sempre é possível. No verão não vale mesmo a pena, murcham em menos de nada. Mas hoje apeteceu-me, talvez por o tempo estar assim um bocado para o esquisito.
Já arrumei uma série de coisas e agora não sei mesmo o que quero fazer. Estou esquisita, tal como o tempo.

domingo, 7 de setembro de 2014

ORIGAMA

Para o próximo verão compro uma destas. Acho-as práticas e funcionais. Um pouco caras, mas parece-me que compensa o investimento. 
E pelo Sul o tempo manteve-se muito bom. Uma tarde de praia muito boa e a água do mar finalmente ficou com uma temperatura agradável. 

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

BOM FIM DE SEMANA

Mesmo com o IPMA a anunciar chuva e descida de temperatura  aqui ficam os meus votos de um óptimo fim de semana. Eu fico a desejar que seja um engano dos Srs. do IPMA  e que o fim de semana venha acompanhado de sol e calor.

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

HOJE

Finalmente um dia de folga  inteirinho.
Pena as netas já não estarem cá.
Acabei por não ir à praia, mas passei a tarde feita "dondoca" a pôr-me bonita.
Máquinas de roupa a trabalharem, umas arrumações necessários e o tempo voou.
Domingo, com sorte, há mais.

terça-feira, 2 de setembro de 2014

SETEMBRO

E quase sem dar por isso Setembro fez a sua aparição.
Como já aqui disse, Agosto foi um mês de muito trabalho.
Quase que nem aproveitei a visita das princesas. 
Ainda passei um dia inteirinho com elas e o resto eram os fins de tarde quando já me encontrava "podre" de cansaço.  
Agora tudo está mais calmo e vou voltar à rotina deste cantinho e  a" visitar" os amigos.
Entretanto este verão está mesmo esquisito. A água do mar ainda não aqueceu. As noites são húmidas nem parecem aquelas noites quentes que o Algarve nos habituou. E os dias claro já estão muito mais pequenos (mas isso está dentro do normal).

sábado, 30 de agosto de 2014

DA AUSÊNCIA

E depois de uns dias de ausência cá estou de novo neste cantinho.
Felizmente esta ausência não foi por nada de mau. Apenas muito trabalho. Agosto, para quem trabalha em turismo, é um mês bastante cansativo e a maior parte dos dias chego a casa sem vontade de fazer seja lá o que for. Mas apesar de cansativo, profissionalmente tudo correu bem.
As princesas também estão cá, vieram passar a segunda quinzena pelo que os bocadinhos livres são para aproveitar a companhia. 
E é isto, entre trabalho e família não sobra tempo.

sábado, 16 de agosto de 2014

A IDADE PESA, AI SE PESA!

E eu que o diga pois ando super cansada.
Está bem que de repente vi-me com trabalhos acrescidos e sem ajudas quase nenhumas. Sou eu só para fazer e resolver tudo. E cansa e causa muito stress saber que não tenho ajudas nenhumas. Mas também a idade pesa. Disso não tenho a menor dúvida. E depois esta rotina casa/trabalho e vice-versa também não ajuda. Nem tenho conseguido fazer o meu passeiozito à beira mar depois do trabalho que é uma coisa que tanto gosto. Mas tenho sempre tantas coisas para fazer depois da saída do trabalho que não tem dado mesmo. E isso ainda me causa mais cansaço. Não ter vida própria, não ter projectos, não ter sonhos.

sábado, 9 de agosto de 2014

ILHÉU DO FAROL OU ILHÉU DE CIMA

Aqui vai a foto do Ilhéu que deu origem ao nome do blogue.
Sempre gostei deste Ilhéu e do seu farol. 
Ao anoitecer e da janela do meu quarto ficava horas a olhar para a sua luz e a sonhar.
Sempre senti este ilhéu como um ponto de referencia. Ainda hoje quando chego a Porto Santo mesmo ainda a sobrevoar a ilha a 1ª coisa que faço é olhar para o "meu ilhéu". Coisas que só quem viveu numa pequena ilha pode compreender.

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

EM TEMPO DE FÉRIAS

Apenas para desejar boas férias ou bom fim de semana. Seja qual for o caso aproveitem e sejam felizes.
Aqui a "Je"  vai trabalhar, mas mesmo cansada e a precisar desesperadamente de férias vai tentar ver o lado colorido da vida. E pensar positivo. E na medida do possível ser feliz. 

quarta-feira, 6 de agosto de 2014

MELÃO/ MELANCIA

Desde sempre preferi o melão à melancia.
Tendo as duas frutas era certo e sabido que nem olhava para a pobre da melancia.
E a minha escolha na hora de comprar era sempre o melão.
Mas há dias comprei melancia e agora não quero outra coisa.
Tem sido a minha sobremesa preferida nestes dias de verão.
Parece-me que ainda vamos ser grandes amigas.


sexta-feira, 1 de agosto de 2014

CONSTATAÇÃO

A tua responsabilidade aumenta quando a tua própria filha diz que a Avó e a Mãe são exemplos a seguir.

quarta-feira, 30 de julho de 2014

FOLGA

Dia de praia e de tratar do visual.
E sim, consegui descansar. Mas continuo a precisar de férias.
Como habitualmente sempre que vou à praia comprei uma revista. Hoje foi a "Caras". Uma desilusão.
Nada de jeito. Eu sei que é uma revista cor de rosa,  mas tempos houve que a "Caras" era bem melhor.
Cor de rosa sim, mas com muita coisa para ler. Gente e artigos muito mais interessantes. É que como está nem para a praia "faz companhia". E pronto é isto. 

terça-feira, 29 de julho de 2014

A ver se consigo descansar. Preciso mesmo.

sábado, 26 de julho de 2014

E PRONTO

Já tenho a folga de amanhã lixada.
E estou pior que estragada.

terça-feira, 22 de julho de 2014

NOVO

Comprado hoje.
Para fazer-me companhia nos dias de descanso nas idas à praia ou mesmo quando estou  na minha varanda sentada a descansar.

domingo, 20 de julho de 2014

VIVENDO E APRENDENDO

Não quero almoçar.
Ok, foi pena não teres dito antes, não precisava de ter tido o trabalho de cozinhar.
Passados 5 minutos já queria o almoço.

Na hora do banho.....
Porque não sei ensaboar, porque o seco mal e mais  e mais...
Bom o melhor é contratar uma profissional para cá vir todas as manhãs ajudar- te.
Eu faço o melhor que sei mas não sou profissional. Não quero que te sintas desconfortável. O valor da tua reforma dá para contratar uma pessoa que faça bem as coisas. (Tudo isto dito com muita calma e com uma cara séria). Acho que pensou que eu estava a falar a sério. Afinal não era preciso e nos últimos dias não tem reclamado.

sexta-feira, 18 de julho de 2014

FIM DE SEMANA

E com esta foto (Porto Santo à noite) desejo-vos um óptimo fim de semana.
Acho esta foto linda, lembra o verão e lembra o tempo de férias.

quarta-feira, 16 de julho de 2014

DIA DE FOLGA

Acordei a sentir-me cansada, farta, sei lá....
Cumpri com as minhas obrigações habituais e depois só me apetecia voltar para a cama tapar-me (cabeça e tudo) e ficar lá a vegetar. Ainda bem que não o fiz. O bom senso dizia-me que ficar em casa em nada iria melhorar a minha neura (ou fosse lá o que fosse).  Arranjei-me e fui a caminho da praia. Paragem para um café e compra de revistas. Ainda bem que o fiz. Meia hora depois já estava outra. E depois do primeiro banho de mar, a água estava uma delícia, já estava bem. Só para dizer que às vezes temos de
 contrariar as neuras e os maus humores. Não nos levam a nada, nem nos resolvem problema nenhum.

sexta-feira, 11 de julho de 2014

SÓ PARA DESEJAR

Bom fim de semana.
Amanhã trabalho, mas no domingo tenciono praticar " o  fazer nada". Revistas e um livrinho esperam-me.

quarta-feira, 9 de julho de 2014

DO BAÚ DAS RECORDAÇÕES

Não sei quantos anos tinha (talvez 5 ou 6) mas sei quem me fotografou, sei o lugar e lembro-me perfeitamente da roupa que tinha vestida. Era um bibe branco e guarnecido com uma fita às cores( parece-me que se chama grega mas não tenho a certeza). As sandálias eram brancas de camurça. 
As amigas da minha idade certamente vestiram bibes. Usavam-se por cima dos vestidos, a ideia seria proteger os vestidos. Eu tinha muitos. A minha Mãe pedia à costureira para os fazer e depois bordava-os.
Lembro-me de uns com aplicações de barcos, peixes, ancoras. Muito bonitos para o verão. Andei a digitalizar fotos antigas e claro muitas recordações vieram-me à memória. 

sábado, 5 de julho de 2014

COMO PERDER UMA DATA DE BRINCOS EM POUCO TEMPO

Estar não digo atrasada, mas em cima da hora e ter de sair de casa sem perder mais tempo para não correr o risco de chegar atrasada ao trabalho. Agarrar nos brincos que escolheste e porque já não podes perder nem mais um minuto enfiá-los para dentro da carteira. Chegas ao trabalho, ligas o Pc, vais ver os emails, organizas uma e outra coisa e nunca mais te lembras dos brincos. Chegas a casa e continuas sem te lembrar dos ditos brincos. Passados dias ou porque finalmente te lembraste dos brincos ou porque milagrosamente encontraste um deles dentro da confusão que é a tua carteira tentas encontrar o par. Só que o outro desapareceu. Entre o tira e procura chave/telemóvel/agenda/óculos o pobre caiu e nem deste por nada.
Desta maneira já perdi muitos brincos. Por serem muitos estou mais cuidadosa mas de vez em quando lá vai mais um. E depois fico aborrecida,  ainda mais por saber que a única culpada sou eu.

quarta-feira, 2 de julho de 2014

O MEU MOMENTO FÚTIL

Hoje foi dia de descanso.
De manhã consulta do marido no hospital. Felizmente correu bem.
De tarde resolver assuntos que têm estado pendentes por falta de tempo.
Depois dos assuntos tratados um ataque agudo de consumismo. A minha sorte é que vivo longe das Zaras e das Lanidores e afins. Vi um vestido baratinho mas que achei giro para usar na praia. Depois de o experimentar achei que era giro mas só para vestir por casa, ou seja era um vestido giro para vestir num dia de calor depois da praia ou ao fim da tarde depois de chegar a casa vinda do trabalho. Cheguei à conclusão que um vestido mesmo barato mas usado só por casa afinal tornava-se num vestido caro. Depois ainda visitei outra loja mas para a felicidade da minha conta bancária também não vi nada que na verdade me convencesse. Mas a febre do consumo não passava. Acabei por comprar uns brincos giros que vão alegrar alguns vestidos / túnicas. E quem tem culpa desta vontade de comprar é a porcaria do tempo. Se o tempo estivesse bom eu tinha ido para a praia e a vontade de comprar seria apenas umas revista para ler na praia.
Mas com este tempinho de c*** que uma pessoa até desconfia que o verão já chegou só me apetecia comprar vestidos giros de praia nem que fosse só para desafiar o Santo lá de cima.

sábado, 28 de junho de 2014

A REALIDADE

Uma pessoa pensa que ainda está com um aspecto jovem, tenta comprar roupa gira, arranja-se, vai ao cabeleireiro, tudo para perecer bem e depois em segundos chega à triste conclusão que é uma velha. Foi assim: Estava a chegar a casa estavam uns miúdos (entre os 8/12 anos) na rua a jogar futebol.
Nisto um deles diz: cuidado aí com a velhota. A velhota era eu. E pronta chego `a triste conclusão que já sou vista como uma velhota. Depois para me consolar pensei que também quando eu era miúda pessoas com mais de 30 anos para mim eram velhas. E com este pensamento tento enganar a triste realidade.

sexta-feira, 27 de junho de 2014

SEXTA FEIRA OUTRA VEZ

De novo fim de semana. A semana passou a correr. Normalmente digo isto dos fins de semana, mas a verdade e que nem dei pela semana passar. Tenho tido bastante trabalho, mas felizmente está a correr bem e sinto-me feliz por estar ocupada. Estar a trabalhar é quase uma libertação. Durante os meses de Verão vou trabalhar aos sábados e possivelmente algum domingo. Depois descanso num dia de semana que seja menos movimentado. É tudo uma questão de organização. O marido é que lhe faz confusão estas trocas, mas quanto a isso nada a fazer. 
Para quem goza de fim de semana aproveitem e descansem. Para os outros aproveitem na mesma.
E parece que desta vez o Sr. São Pedro vai estar bem disposto. Talvez por ser o seu dia.....

domingo, 22 de junho de 2014

DO TEMPO

                        Eu queria isto, mas..........
O São Pedro manda isto.


sábado, 21 de junho de 2014

VERÂO

Já aqui disse e volto a repetir "Adoro o Verão".
E Ele aí está, meio escondido, meio envergonhado.
Agora é tentar aproveitar tudo o que de bom o Verão nos oferece. E é tanta coisa. Pela minha parte gosto de tudo. Quanto a aproveitar, tento aproveitar tudo o que me é possível. 

quinta-feira, 19 de junho de 2014

PROBLEMA RESOLVIDO (POR AGORA)

Acabei de dizer que sim a três coisas e não faço a mínima ideia do que seja.
Mas cheguei tarde e cansada do trabalho e sinceramente não me apetecia jogar às adivinhas. E fui dizendo que sim, que estava bem. Só não sei a quê. Mas por agora resolvi o problema e posso descansar a cabeça.
Amanhã logo se vê. Pode até não ser nada.

quarta-feira, 18 de junho de 2014

CONSTATAÇÃO

Ainda o Mundial de Futebol vai no início e já estou um bocadinho farta de ouvir falar/ver futebol.
Todas as conversas vão dar ao mesmo "Futebol"
Em casa a TV sempre está ligada ao canal que transmite os jogos. Enfim! 
Depois são as desilusões. Hoje foram nostros hermanos.
No meio disto tudo só me resta pedir sorte para Domingo.

domingo, 15 de junho de 2014

GOSTO DISTO

Primeiro banho de mar da temporada.
Um fantástico dia de praia.
Calor como eu gosto.
Sentada na varanda a aproveitar o que resta deste domingo.

sexta-feira, 13 de junho de 2014

SEXTA FEIRA

Aproveitar a praia, o calor e o bom tempo.
Pelo meu lado só no domingo.
Com a chegada do verão os sábados são de trabalho mas já estou habituada.
De todos os modos um bom fim de semana.

quinta-feira, 12 de junho de 2014

JUNHO

Gosto deste mês.
Gosto dos Santos populares (embora hoje em dia não festeje)
Gosto das sardinhas que por esta  altura já estão muito saborosas.
Gosto do calor e dos dias longos e mais ainda gosto da chegada do Verão.
É caso para dizer "entre Junho e Agosto o meu coração balança".

terça-feira, 10 de junho de 2014

CONFIRMADO

Quando estamos felizes e com as pessoas que amamos o tempo passa a correr.
Foi o caso deste fim de semana e feriado. Passou num instante. 
Foi muito bom ter as minhas "princesas" cá em casa. O tempo é que não ajudou. Ainda tentamos umas idas à praia mas o vento era muito e estava mesmo muito desagradável. Nem mesmo nas esplanadas estava agradável..
O pior era mesmo o vento e a humidade. Hoje melhorou bastante, mas a seguir ao almoço lá foram embora. Parece que a partir de hoje temos de novo calor. Espero bem que sim que este tempo assim já irrita. Confesso que tenho mesmo saudades dos dias quentes de verão.

sexta-feira, 6 de junho de 2014

Ia ser a companhia do fim de semana.
Mas já não vai ser. As "princesas" vêm até cá abaixo e claro está, o livrinho vai esperar mais uma semanita.

quinta-feira, 5 de junho de 2014

COISAS QUE SÓ QUEM É MÃE/PAI PERCEBE

Quase todas as mães/pais fazem o que podem (e por vezes o que não podem) pelos seus filhos.
Depois há aqueles filhos que acham que tudo lhes é devido e por isso acham que têm direito a tudo e há os outros, os que reconhecem e agradecem aquilo que recebem da sua mãe ou dos seus pais. Também sei que quando fazemos algo pelos nossos filhos não estamos à espera de agradecimentos, mas penso e digo penso (porque felizmente não sei o que é isso) deve ser muito triste ter filhos que não valorizam aquilo que fazemos por eles.
Estou a escrever tudo isto, porque hoje tinha na minha caixa de correio a maior carta de amor que recebi na minha vida. Escrita pela minha filha. Pelo inesperado (não era o dia da Mãe, nem era o dia dos meus anos) e
pela surpresa fiquei super feliz. E com uma lágrima a querer sair do olho. Mas todos sabemos que também se  chora de felicidade.


sexta-feira, 30 de maio de 2014

quinta-feira, 29 de maio de 2014

DIA DA ESPIGA

O dia da Ascensão ou da Espiga como também é conhecido, é o feriado Municipal cá da zona.
Por isso hoje não foi trabalhar e estou a aproveitar o feriado. Fazendo o quê? Pois o que é que se faz quando temos um dia livre? Arranja-se trabalho, pois claro. Em casa há sempre coisas que precisam ser feitas ou arrumadas. Mas daqui a pouco vou sair que já estou a ficar fartinha de estar em casa. É que nem para ir beber café fui à rua.

quarta-feira, 28 de maio de 2014

O VESTIDO

Uma das compras que fiz no fim de semana passado foi este vestido.
Comprei-o numa loja local, loja essa que raramente entro pois o estilo das roupas que vende (clássico antigo) não é de todo o meu género. Mas ao passar na rua vi na montra um vestido que até gostei. Entrei para ver mas não tinha o meu número, depois dei uma olhada nos outros vestidos e entre tantos encontrei 2 que gostei. Este e um outro. O outro não me ficava bem, mas este parece que tinha sido feito para mim.
Gostei logo dele, às vezes vestimos umas coisas que não nos ficam nem bem nem mal e ficamos indecisas na compra, mas no que diz respeito a este vestido não tive a menor dúvida em o comprar. O pormenor do decote também é engraçado. Agora é esperar que venha o calor para o levar a passear. 

domingo, 25 de maio de 2014

DO FIM DE SEMANA

Calminho, tal como se quer.
Ontem foi dia de arrumações e de tratar de mim. Cabelo (ai os brancos), pés e mãos.
Depois umas comprinhas.
Hoje foi dia de votos. E lá fui cumprir o meu dever. É uma coisa que não abdico. Tanto que se lutou para isso.
Para que todos tivessem o direito de voto. E agora é ver a indiferença com que as pessoas olham para as eleições. Como se não fossem responsáveis pelos resultados. Mas depois queixam-se. Mesmo à boa maneira portuguesa.
E é isto. O fim de semana está a acabar.
Amanhã temos trabalho e obrigações. E até gosto. Em várias fases da minha vida além de financeiramente precisar de trabalhar, também precisava  psicológicamente. E esta é uma delas.

sexta-feira, 23 de maio de 2014

SEXTA FEIRA

De novo fim de semana.
Como não vai fazer "tempo de praia" vou aproveitar para fazer umas arrumações.
E por ser   fim de semana ir fazendo o que for surgindo sem pressas nem stresses.
O fim de semana é mesmo para esquecer a correria da semana.
E mesmo com o São Pedro a pregar partida (muito gosta este Santo de nos arreliar) tenham um bom fim de semana,

quinta-feira, 22 de maio de 2014

DA AUSÊNCIA

Tenha andado um bocado afastada do blogue.
Nem eu sei porquê. Talvez uma preguiça mental enorme que me impede de pensar e escrever.
Verdade seja que por estes lados as novidades são poucas ou para ser mais verdadeira nenhumas.
A minha vida é casa e trabalho e pouco mais. E se calhar é isso, a ausência de novidades.
Claro que podia falar deste tempo idiota que depois de nos brindar com verdadeiros dias de verão, oferece-nos de novo frio e chuva. Mas isso não é novidade. E da campanha eleitoral mas possivelmente e tal como eu, já não devem poder ouvir falar de tal coisa. E das figurinhas ridículas dos candidatos? Isso é mais engraçado e já dei uma valentes gargalhadas a ver tais figuras. E pronto é isto. Novidades zero. Mas vou esforçar-me para vir cá mais vezes. Porque ao fim e ao cabo eu gosto muito deste meu cantinho.

sexta-feira, 16 de maio de 2014

DESEJO DE FIM DE SEMANA

Descansar muito que bem preciso.
Ler sentada na minha varanda.
E se o tempo permitir ir um bocadinho até à praia.

segunda-feira, 12 de maio de 2014

CONSTATAÇÃO

Detesto ir ao dentista. 
Não é pela dor, que eu peço logo anestesia, portanto não sinto nada. Mas detesto  aquela sensação de estar de boca aberta e quase a babar-me. Mas hoje teve de ser. 

sexta-feira, 9 de maio de 2014

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Hoje não trabalhei na parte da tarde.
O marido tinha uma consulta médica às 14.30H e resolvi tirar a tarde.
Não é o habitual, mas desta vez o horário da consulta foi cumprido.
Portanto pelas 16,00H já estava disponível. Como precisava de arranjar os pés achei que podia aproveitar o resto da tarde para isso. Não tinha nada marcado pois não sabendo a que horas ficava livre não quis arriscar. Primeiro tentei o meu sítio habitual. Não era possível, tinham marcações até ao final do dia. Depois lembrei-me de um gabinete de estética que fica por baixo da minha casa. Não sou cliente mas no Verão passado fui lá uma vez e gostei bastante do serviço. Que não, se quisesse que deixasse marcado para a próxima semana. 
Agora digo eu, e isto é num país em crise. A verdade é que no que diz respeito a cabelos, mãos e pés parece não haver crise. Mas ainda bem que é assim.
Entretanto já marquei no meu local habitual para o próximo  sábado.

terça-feira, 6 de maio de 2014

NOVA NO MEU ROUPEIRO

Esta beleza já habita no meu armário.
Como uso e abuso dos jeans gosto deste tipo de blusas para trabalhar.
Sempre dá um ar mais formal. Esta é da Zara e gosto muito dela.

sábado, 3 de maio de 2014

PORTO SANTO

As "princesas" foram ao Porto Santo este fim de semana.
Amanhã é o baptizado do meu sobrinho neto e parte da família vai estar reunida.
Infelizmente e pelos motivos que os que me lêem sabem, com muita pena minha não me foi possível ir.
Na foto a neta mais velha no restaurante "Casa da Avó", que era a casa dos meus pais. 
Actualmente pertence ao meu irmão que transformou a casa de família em Restaurante.
Gosto que as minhas netas fiquem a conhecer parte das suas origens.
( Também poderia chamar a este post "A Petra na casa que foi da sua bisavó Petra".

quinta-feira, 1 de maio de 2014

DO FERIADO

Primeira manhã de praia desta temporada.
Um tempo muito bom até parecia Verão.
Mar calmo, mas a água geladinha. (Não se pode ter tudo, afinal estamos em Maio).
Um feriado calmo, mas bastante agradável. Como para compensar as coisas menos boas.


sábado, 26 de abril de 2014

RELÓGIO

Gosto mesmo deste relógio.
Desde que o vi na montra de uma ourivesaria cá do burgo que volta e meia penso nele.
Acho-o giro e adequado para o verão.
Só o preço é que não é lá muito simpático.
Não sei, não sei......

Ah, e o dia de hoje felizmente foi bem melhor.

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Dizem que as residências para os idosos/doentes são caras, e de facto são, mas atendendo que é um trabalho que tem tanto de responsabilidade, como de doses infindáveis de paciência e de outras coisas mais até acho que não é tão caro como pensamos. Porque só quem tem um idoso/doente à sua responsabilidade sabe como é cansativo o dia a dia. Não há um minuto de sossego, não há vida própria, não há nada. O idoso/doente acha que só tem direitos, quem o assiste só tem obrigações. Hoje por se feriado não fui trabalhar, portanto o marido não foi para o centro de dia. A meio  da manhã já eu estava completamente desesperada. E tem sido assim o dia todo. Por isto, por aquilo e por aquele outro. Há dias que são terríveis e este tem sido um desses dias. 
E por tudo isto dou por muito bem empregue todos os euros que  pago à Residência onde o marido fica enquanto eu estou a trabalhar. E felizmente tenho trabalho, porque muito sinceramente a ter o marido 24H à minha responsabilidade ao fim de pouco tempo ia ficar completamente maluca. Sim eu sei que ele não tem culpa, não fala e a cabeça também tem algumas falhas, mas sinto-me no limite. Tem de ser tudo como ele quer ou  acha que quer. 
Amanhã talvez seja um dia melhor, por agora vou enfiar-me na casa de banho e mimar-me com um banho demorado .  

terça-feira, 22 de abril de 2014

COISAS QUE ME IRRITAM

Detesto quando estou a escrever no computador e só porque não sigo o acordo ortográfico o texto fica assinalado a vermelho só porque escrevi um "p" ou um "c" a mais  e é  suposto não o fazer.

segunda-feira, 21 de abril de 2014

DA PÁSCOA

Diz-se que foi óptima e passada em família.
Adoro quando tenho a família reunida.
Felizmente o tempo também ajudou e foi possível passar algum tempo ao ar livre.
E o facto de não trabalhar no feriado foi óptimo para passar mais tempo com os meus.
E num abrir e fechar de olhos o tempo passou a correr. E já voltamos ás rotinas e obrigações habituais.

quarta-feira, 16 de abril de 2014

domingo, 13 de abril de 2014

PARABÉNS MINHA QUERIDA

A minha "princesa", a mais velha, faz hoje 7 aninhos.
Parece que foi ontem, que vi aquela bebé pequenina e gordinha pela primeira vez. Fiquei logo apaixonada.
Que sejas sempre feliz.E que continues a ser menina doce e querida de hoje. Um dos "sóis" da minha vida.

sexta-feira, 11 de abril de 2014

UM BOM FIM DE SEMANA

E para quem vai aproveitar os feriados da Páscoa para umas mini-férias, pois que se divirtam e descansem.
Vamos esperar que o S.Pedro esteja bem disposto e que este tempo agradável se mantenha.

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Acho um exagero estas leis anti-tabaco.
E estou à vontade para escrever isto pois não sou fumadora.
Mas segundo a minha opinião passamos do 8 para o 80. A tal ponto que actualmente os fumadores são olhados como se fossem uns grandes criminosos.
Acho muito bem que seja proibido fumar em locais públicos. 
Mas hoje soube que até em moradias turísticas de aluguer para férias era obrigatório a colocação do dístico "proibido fumar". Mas onde já chegamos? Não estamos a falar de um hotel, nem de um aparthotel, estamos a falar de moradias isoladas onde o fumo do cigarro só irá incomodar os membros da família. E se for uma família de fumadores? Vão pagar uns euros valentes pelo aluguer de uma casa de férias e são proibidos de  fumar  na sua própria casa? Sim, porque durante o período de aluguer eles são os donos da casa.
Sinceramente, não posso concordar com isto. Porque o fumo mata. Pois, também a droga mata, o álcool pode chegar a matar e ninguém se lembrou de proibir o consumo de drogas ou de bebidas 
alcoólicas numa casa  de  aluguer para férias. Ao que chegamos!



segunda-feira, 7 de abril de 2014

VESTE/DESPE

Foi assim esta manhã.
Veste/despe/veste .........
Não me apetecia calças, queria um vestido.
Mas, este é escuro demais e o tempo está muito bonito.
Este a mesma coisa, este é demasiado verão.
Por fim lá me decidi por um vestidinho e um casaquinho que não eram de verão nem de inverno.
Amanhã parece-me que temos repetição da cena.

sexta-feira, 4 de abril de 2014

BOM FIM DE SEMANA

Com saudades do Verão e da "minha" ilha.