quarta-feira, 29 de junho de 2016

29 DE JUNHO - DIA DE SÃO PEDRO

A minha Mãe fazia anos no dia de São Pedro. Hoje além da saudade também  sinto uma enorme gratidão. Por ter sido durante muitos anos "o meu porto seguro". Saber que tinha um"porto seguro" fez-me enfrentar muitas tempestades e com isso  ficar mais forte. Por ter-me deixado tomar as minhas decisões, mesmo nem sempre concordando com elas. Mas ela lá estava para o que desse e viesse. Por não me fazer pensar que o casamento era a única opção na vida de uma mulher (e este pensamento era muito normal nos anos 70). Por querer que eu estudasse e tivesse a minha independência financeira. Por me ensinar a valorizar o trabalho. Por querer que eu tivesse a minha própria casa. E por tantas, tantas coisas. Por tudo isto só posso dizer:Obrigada Mãe.

domingo, 26 de junho de 2016

HÁ SEMPRE UMA PRIMEIRA VEZ

Até para abrir uma garrafa de vinho. Hoje foi o dia.
(pode parecer estranho mas acontece)

quinta-feira, 23 de junho de 2016

COISAS QUE GOSTO MUITO NO VERÃO

Praia;
Piscina;
Passeios à beira mar (no Inverno também gosto);
Esplanadas;
Jantar fora;
Refeições e leituras no sossego da minha varanda;
Noites quentes e lua cheia;
Saladas;
Marisco;
Sardinhas;
Lapas;
Espetadas em pau de louro;
Vinho verde bem gelado;
Sangria;
Gin tónico;
Melão;
Uvas;
Figos;
Vestidos;
Sandálias;
Festas populares a arraiais;
Porto Santo (devem faltar mais coisas mas estas são as que gosto mesmo).

No Inverno volto a fazer uma lista e garanto que será bem mais pequena.



segunda-feira, 20 de junho de 2016

VERÃO

Chega hoje à noite, pelo que hoje temos o dia mais longo do ano.
Bem vindo Verão!

domingo, 19 de junho de 2016

FIM DE SEMANA A TERMINAR

Mas bem aproveitado. Houve praia. Com muito calor, com algum vento e com água geladinha.
Revistas para ler na praia e um delicioso livro para ir lendo no sossego da minha varanda. Só me arrependo de ter começado pelo último da tetralogia, que foi o que encontrei à venda nesta zona. Mas devia ter mandado vir os outros da Wook. Vou mandar vir na mesma, mas já não vai ser a mesma coisa.  Quem me manda a mim não saber esperar? Mais depressa tenho um vestido novo no roupeiro 2 ou 3 semanas sem o vestir do que um livro novo na estante sem o ler. De todos os modos estou a gostar muito deste livro e sem dúvida alguma que recomendo.

sexta-feira, 17 de junho de 2016

quarta-feira, 15 de junho de 2016

CONSTATAÇÃO

Tantos vestidos e poucos que apeteçam vestir.
Explico, no ano passado ainda tinha vida profissional e como tal precisava de usar um estilo mais em conformidade com o mundo laboral. A maioria dos meus vestidos embora num registo casual davam um pouco para o clássico. Durante 5 dias por semana era esse tipo de roupa que usava. Só precisava de roupa mais informal para o fim de semana/férias e eventualmente um ou outro feriado. Agora que já não trabalho e vivendo numa cidade praia já não gosto muito dos meus vestidos.  Bem tento disfarçar, a maior parte das vezes uso-os com sandálias rasteiras, sacos informais e por aí fora, Mas a verdade é que preciso mesmo de vestidos com "ar de praia ". Os que encontro e que gosto não são nada baratos e sinceramente acho um disparate gastar uma data de dinheiro num vestido de praia. 
E ando nisto. 
Ah e o tempo mudou e está uma c***. Hoje com a ventania que se levantou a praia estava quase deserta. Em contrapartida a minha pastelaria habitual  estava super cheia. 

terça-feira, 14 de junho de 2016

NOVA LEITURA

Curiosamente só há pouco tempo ouvi falar desta escritora.? Ao certo não sabemos se é homem ou mulher pois não se deixa fotografar e as entrevistas são todas por escrito. Tem vários livros editados alguns adaptados ao cinema. Mas parece que os mais conhecidos são uma tetralogia começada em 2011 e acabada em 2014. Despertou-me interesse e ontem numa ida a Faro comprei precisamente o último volume. Queria começar pelo primeiro, mas todos estavam esgotados. Já fiz uma pesquisa e li os resumos dos outros três. Se gostar deste último, mando vir os outros através da Wook. Por agora dado o volume do livro tenho leitura para umas semanitas.
E desse lado, já alguém leu algum livro de Elena Ferrante?

quinta-feira, 9 de junho de 2016

HOJE

A convite da Caudalie fiz  uma mini máscara facial. E soube-me tão, mas tão bem. E dito isto pergunto, porque raio não sou uma mulher rica? É que se assim fosse eu seria a melhor amiga dos salões de beleza.
A Caudalie não me paga para dizer isto, mas a verdade é que sou fã dos seus produtos. E o cheirinho?
É do melhor!

quarta-feira, 8 de junho de 2016

GIRASSOIS

Esta Primavera semeei girassois nuns vasos na varanda. Estavam todos bonitinhos e a crescer até que apareceu uma lagarta que comeu as folhas quase todas. Não me parece que sobrevivam. Uma pena. Gosto tanto de girassois nas casas.

segunda-feira, 6 de junho de 2016

ONTEM

Fui a Lisboa para assistir à comunhão de uma neta e ao baptizado de outra. Foi um dia muito feliz e que não quis perder. 
Não fui de avião como inicialmente tinha pensado. Mas o facto de ter de sair de casa às 4,00H da manhã junto à tarifa super cara da TAP fez-me pensar noutra opção. Acabei por viajar no Alfa que saía as 7,00H da manhã. Cheguei muito a tempo. De regresso tal como já estava previsto vim de autocarro. Cheguei por volta das 22,00H cansada mas muito feliz.

sábado, 4 de junho de 2016

DO "DESPISTADA" QUE EU SOU

Ontem entrei na pastelaria do costume e dou de caras com um casal, ela nova e gira até dizer chega, ele para lá de velho. Ainda deito o olho para ela porque além de gira estava mesmo bem vestida. Depois dou com os olhos no "velho" e só aí vi que era um velho conhecido meu, famoso pelas suas conquistas com meninas mais novas. 
Hoje entro na mesma pastelaria sento-me em frente a duas senhoras e um homem. Daí a pouco o homem vem falar comigo. Só aí vi que era um antigo colega de trabalho que já não via há muito tempo.
Vinha para casa e encontro outra pessoa, Olá, então está tudo bem? E bla bla bla e eu que sim e tal tal. Vim o resto do caminho a pensar quem seria. E continuo sem saber.
E passo a vida nisto.
Ah dirão, é da idade está a ficar velha, mas em abono da verdade devo dizer que sou assim desde sempre. Um bocado aborrecido. A fingir que conheço as pessoas quando a maior parte das vezes não faço a mínima ideia com quem estou a falar.