segunda-feira, 24 de setembro de 2018

OUTONO

Oficialmente estamos no Outono, mas o calor esse é de verão. A água do mar está mais quente do que em Agosto. E o mar tão calmo.
Portanto há que aproveitar estes dias de verão que o Outono generosamente nos oferece. E nada de desesperar, o tempo do chá e das mantinhas vai chegar. Quer queiramos ou não.

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

FIM DE SEMANA

De novo fim de semana. O tempo voa.
Por aqui aproveitamos a praia, que o tempo está muito bom.
O médico diz que não, que não posso andar na areia e então fico sentada na cadeira sem me aproximar do mar que está com uma temperatura de 23 graus. Mas prefiro isso a ficar em casa. Ouvir o barulho do mar pode ser muito relaxante.
De resto a ordem do Sr. Doutor é "descansar, descansar e descansar". À conta disto as minhas arrumações ainda não estão finalizadas. Vai devagar/devagarinho. Eu própria sinto que tenho de parar. Mas muita coisa já foi feito.
Tenham um bom fim de semana.

terça-feira, 18 de setembro de 2018

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

ACABADO DE LER

Gostei muito e recomendo (principalmente para quem conhece a autora).

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

REVISTAS

Em tempos passados comprava mesmo muitas revistas.
Um  exagero! Nunca contabilizei mas gastava bastantes euros.
Tinha consciência disso e aos poucos foi reduzindo.
Agora praticamente não compro nenhuma. Uma questão de economia? Em parte sim, mas na verdade a grande maioria deixou de me interessar. Muita publicidade e pouco conteúdo. Mesmo as "rosas" antigamente traziam reportagens em que mostravam casas bonitas. Um regalo para os olhos. Eu comprava uma Hola e garantidamente tinha leitura para todo o fim de semana. Agora já não é bem assim. Resumindo, ou eu mudei muito, ou foram as revistas que mudaram. 

terça-feira, 11 de setembro de 2018

E DEPOIS

No meio das mil e uma coisas para deitar fora encontro conchinhas com estes dizeres.
Deitar fora? Não! Guardei numa caixinha.

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

POR CÁ

E agora que já tenho a casa vazia chegou a altura das arrumações.
E muito tenho de arrumar.
Muita roupa para tratar/guardar pois muita coisa fica nesta casa para o próximo ano.
Sacos de praia para lavar, alguns para deitar fora, brinquedos de praia o mesmo.
Arrumar a minha varanda, nem imaginam o que por lá se encontra. 
Tratar das minhas plantinhas que bem precisam.
Enfim muita coisa há a fazer.
Só que tem de ser devagar/devagarinho. Não me convém fazer grandes esforços.
E hoje como estava muito bom tempo aproveitei a manhã para ir até à praia. Uma maneira também de descansar.