terça-feira, 19 de setembro de 2017

CONSTIPADA

E com este tempo maluco (faz frio, faz calor, faz vento) já ganhei uma constipação. Bolas para este Outono antecipado.


domingo, 17 de setembro de 2017

QUASE OUTONO

Hoje ainda foi possível ir até à praia. No entanto já se notam os sinais do Outono que não tarda está a chegar. As manhãs são fresquinhas e as tardes pedem um casaquinho leve nos ombros.
As pessoas terminam as férias e a praia já está quase deserta. 
A temperatura da água do mar também desceu.
Este ano parece-me que o Outono fez-se anunciar mais cedo. Nos últimos anos embora seja Outono no calendário o verão continua quase até ao fim de Outubro. Parece-me, pelo que vejo, que infelizmente este ano não será assim.

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

DA DISPONIBILIDADE DO TEMPO

Sim, é certo que às vezes apetecia-me ter de novo uma vida profissional, mas depois quando penso nas vantagens de não ter horários (para quase nada) passa-me logo a vontade. 
A verdade é que não disponho do meu tempo como gostaria, (por exemplo viajar está fora de questão)  mas tenho outras maneiras de me distrair. As férias que as minhas netas passam comigo no verão e  o tempo que lhes dedico seriam impossíveis se eu ainda trabalhasse. E isso é tão bom! 
Continuo a levantar-me cedo e a deitar-me cedo também, mas gosto muito de pela manhã ficar na cozinha a tomar o meu pequeno almoço e o meu café nas calmas e só depois decidir como vou organizar o meu dia. Ontem por exemplo tinha pensado ir até à praia de manhã. Entretanto peguei num livro antigo para voltar a ler (não tenho nada novo) e o resultado foi uma manhã sentada na cozinha a ler. Podem pensar que foi uma grande perda de tempo mas para mim foi uma manhã bem passada a reler um livro de que quase já não me lembrava. 
Tirando as minha obrigações e a organização da minha casa, não me imponho afazeres. Não tenho forçosamente de ir andar a tal hora, nem de ler a outra hora, nem de fazer isto e aquilo. Vou fazendo conforme a minha vontade e disposição. O melhor de tudo é que não me aborreço. No fundo gosto mesmo desta disponibilidade de tempo. 

domingo, 10 de setembro de 2017

CAUDALIE

Já aqui disse que gosto muito dos produtos da "Caudalie"
De todos os que experimentei nunca nenhum me desiludiu.
Da última vez que fui convidada para conhecer novos produtos e fazer uma mini máscara facial também foram-me sugeridos alguns "truques" que ainda tornam estes produtos mais agradáveis.
Gosto de lavar o rosto com água e junto usava a espuma de limpeza. Então foi-me sugerido que junto à espuma juntasse uma noz do leite desmaquilhante suave, aplicasse no rosto, fizesse uma ligeira massagem e depois retirasse com água. Acreditem, o nosso rosto agradece.
Também aconselharam uma vez por semana a máscara de crema hidratante mas deixar actuar durante a noite como se realmente fosse um creme e não uma máscara. Na manhã seguinte nota-se uma grande diferença em termos de hidratação. Se isto me retira as rugas? Não! Essas continuam cá e possivelmente só com alguma coisa muito mais agressiva diminuiriam. Mas estes pequenos gestos sabem-me mesmo bem, e de alguma forma acho sempre que a minha face fica no mínimo mais luminosa.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

MISTÉRIO DESVENDADO

Tinha (tenho) vários panos para o cesto de pão.
Normalmente são da "Kasa" ou outra loja do género. São do mais simples que há, mas depois faço-lhes um bordadinho ou um crochet e ficam engraçados. Nada de especial mas para o dia a dia até são giros.
Só que de tempos a tempos dou por falta de um ou dois. Não é pelo valor mas detesto  não saber onde param as minhas coisas. À conta disso cheguei a retirar das gavetas do armário da cozinha (onde guardo a roupa de mesa usada no dia a dia) toda a roupa, mas dos ditos paninhos nada de nada.
Até que na semana passada foi dar com dois deles no cesto da roupa suja todos sujos de tintas de aguarelas.
Descobri logo o mistério, os outros foram directos para o caixote do lixo e por isso não lhes voltei a ver a cor, estes acabaram no cesto da roupa suja que por sua vez foram transferidos para o caixote do lixo. Obra da mais novinha, disse que pensava que depois se podiam lavar. Nem sequer lhe falei nos outros que de certeza tiveram o mesmo uso.
Só lhe mostrei o armário onde numa prateleira tenho panos para esses afins, ou seja usar e deitar fora. Já me têm salvo de algumas dificuldades. 

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

SETEMBRO

E com a chegada de Setembro lá se acabaram as férias das netas aqui em casa da avó.
Foram tristes mas entusiasmadas. Neste momento andam pela Disney ,esse paraíso, que tanto gostam.
Depois desafios novos as esperam. Novo colégio, novos amiguinhos. Neste aspecto estão um pouco apreensivas pois tudo vai ser novo. Crescer faz parte da vida e nem sempre é fácil. Mas na maior parte das vezes mudar ajuda a crescer e acaba por ser positivo.

Por estes lados esta avó continua a sua vida de sempre. Aproveitando os dias de verão e a praia. E agradecendo as coisas boas que a vida me vai oferecendo. E aceitando as menos boas que também as há.

Ainda tenho a casa um bocado para o desarrumado. Tenho aproveitado as tardes para ir arrumando as coisas que durante mês e meio foram arrumadas de qualquer maneira. 
Agora tenho muito mais tempo livre. 
E saudades também.
O nosso jantar de "fim de férias". 

domingo, 27 de agosto de 2017

REFORMADOS (vistos por uma criança de 6 anos)

Estou cansada digo eu.
Porquê? pergunta a neta de 6 anos. Não percebo, tu estás sempre de férias. Não precisas de fazer nada, nem de acordar cedo, nem vais trabalhar, nem nada. Então porque é que estás cansada? Explicar para quê? Até certos adultos acham que reforma é sinal de boa vida. Não falo por mim, mas tenho amigas que agora estão mais sobrecarregadas do que quando tinham que cumprir horários. Felizmente não é o meu caso.