terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

"CÚ DE JUDAS"

Parece o "Cú de Judas" era o que a minha Mãe costumava dizer quando o vento soprava forte. Não sei bem de onde vem este termo, mas sei que hoje está um verdadeiro "Cú de Judas". Vento Norte fortíssimo até assusta. A única coisa boa deste vento todo foi que a roupa secou em menos de nada.   Já fechei as janelas todas que dão para o Norte, quando fui à varanda recolher a roupa até me assustei tal era a força do vento. Em contrapartida do lado Sul não se ouve uma folha mexer.
Último dia de Carnaval, não trabalhei. De manhã fui sair, aproveitei para andar um bocado, agora de tarde apesar de haver desfile Carnavalesco na cidade, não me apeteceu sair. O tempo (frio e vento) também não ajuda. E o dia está quase passado.

4 comentários:

O meu pensamento viaja disse...

Por aqui também esteve imenso vento, mas agora acalmou.
Estou adoentada, a chocar não sei o quê!
beijinhos, querida.

Crocheteando...momentos! disse...

Por aqui...o vento é bem forte...e incomoda imenso pois gela a alma e não só!!!
O vento consegue fazer-me dor de cabeça!!
Bj amigo

Ana Maria Braga disse...

Não conhecia esse termo da sua mãe.
Aqui não tem disso não. Mas, se tiver frio, o vento me incomoda demais.
Desejo um ótimo final de semana. Bjs

Liliane de Paula disse...

Eu acho que já ouvi esse dito.
Não sei de quem e nem quando.
Mas era referência a locais muito distante.